Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositoriosenaiba.fieb.org.br/handle/fieb/1150
Title: Avaliação experimental do impacto da extensão do intervalo de drenagem de óleo lubrificante com classificação API CI para motor ciclo diesel
Other Titles: Experimental evaluation of the impact of extending the drain interval of API CI rated lubricating oil for diesel cycle engines
Authors: Assis, Luiz Enrique de Matos
metadata.dc.contributor.advisor: Guarieiro, Lilian Lefol Nani
metadata.dc.contributor.referees: Senna, Valter de Senna
Keywords: Óleos lubrificantes;Motor diesel;Confiabilidade;Drenagem de óleo lubrificante
Issue Date: 28-Apr-2016
Publisher: Faculdade de Tecnologia SENAI CIMATEC
Citation: ASSIS, Luiz Enrique de Matos; GUARIEIRO, Lílian Lefol Nani (orientadora). Avaliação experimental do impacto da extensão do intervalo de drenagem de óleo lubrificante com classificação API CI para motor ciclo diesel. Salvador, 2016. 94 f. Dissertação (Mestrado em Gestão e Tecnologia Industrial ) - Faculdade de Tecnologia SENAI CIMATEC, Salvador, 2016.
Abstract: As análises de óleos lubrificantes de motores ciclo diesel são importantes como sistema gerador de informações à manutenção mecânica do motor, principalmente para previsão de custos e programação de drenagem do óleo em serviço. A confiabilidade da permanência destes óleos no cárter pode também ser tratada de maneira mais assertiva através do monitoramento contínuo do óleo a cada período de quilometragem. Apesar de muitos usuários de veículos automotores acreditarem não ter problemas a extensão do período de troca do óleo lubrificante, tendo como benefício a redução do custo de manutenção do veículo. Deste modo, este trabalho teve como objetivo avaliar o impacto da extensão do intervalo de drenagem de óleo lubrificante com classificação API CI para motores ciclo diesel. O óleo lubrificante em análise foi drenado de vinte ônibus Volkswagen (modelo 17230 EOD, ano 2010 e 2011, motores ciclo diesel, fabricante MWM) de regime operacional estritamente urbano. Foram realizadas análises de óleo do motor em diferentes períodos de utilização (10, 15, 20, 25, 30, 35 e 40 mil Km) com intuito de observar o comportamento das variáveis: oxidação, viscosidade e desgaste metálico (teor de ferro, cobre e silício). A viscosidade e oxidação apresentaram comportamento semelhantes, apresentando uma redução na dispersão dos valores entre 20.000 e 25.000 Km rodados, justificados pela reposição de óleo lubrificante no motor. O teor de ferro apresentou aumento com o período de utilização do óleo atingindo valores críticos a partir dos 30.000 Km. A concentração de cobre aumentou próximo ao limite máximo permitido pelo fabricante do motor em 30.000 Km. O contaminante externo silício apresentou um comportamento já esperado, com clara tendência de aumento ao longo da utilização atingindo níveis críticos também a partir dos 30.000 Km. Os resultados obtidos demonstram que a qualidade do óleo lubrificante utilizado não reflete em uma extensão confiável do período de troca em relação aos 30.000 Km indicados pelo fabricante. Programas de manutenção preditiva, relacionados ao monitoramento do óleo lubrificante em empresas que possuem grandes frotas de veículos, são de suma importância para prevenir possíveis problemas mecânicos do motor. ABSTRACT: The analysis of lubricating oils for diesel engines are important as information generating system for mechanical maintenance of the engine, mainly for cost estimation and oil drain programming service. The reliability of the permanence of these oils in the crankcase can be treated more assertively through continuous monitoring of oil every mileage period. Append of many users of motor vehicles have no problems believing the extent of the lubricating oil change period, with the benefit of reducing vehicle maintenance costs. Thus, this study aimed to assess the impact of the extension of the lubricating oil with API CI classification drain interval for diesel engines. The lubricating oil analysis was drained twenty Volkswagen bus (model 17230 DOE, 2010 and 2011, diesel engines, MWM manufacturer) strictly urban operating system. Engine oil analyzes were performed in different periods of time (10, 15, 20, 25, 30, 35 and 40 thousand kilometers) with the intention of observing the behavior of the variables: oxidation, viscosity, wear metal (iron content, copper and silicon). The viscosity and oxidation showed similar behavior, a decrease of values between 20,000 and 25,000 Km rotated justified by replacement of lubricating oil in the engine. The iron content showed an increase in oil use period, reaching critical values from 30,000 km. The copper concentration increased close to the maximum allowed by the engine manufacturer at 30,000 Km. The external silicon contaminant introduced an already expected behavior with clear upward trend over the use reaching critical levels from 30,000 Km. The results show that the quality of the lubricating oil used does not reflect in a reliable extension of the trading period compared to 30,000 Km indicated by the manufacturer. Predictive maintenance programs, related to monitoring of the lubricating oil in companies with large fleets of vehicles, are of great importance to prevent possible engine mechanical problems. Keywords: lubricating oils, diesel engine, reliability, lubricating oil drain
URI: http://repositoriosenaiba.fieb.org.br/handle/fieb/1150
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPG GETEC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luiz Enrique_ok.pdfTCCP / DISSERTAÇÃO GETEC / SENAI CIMATEC2.29 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.