Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositoriosenaiba.fieb.org.br/handle/fieb/784
Título: Controle de variações dimensionais em carrocerias de veículos - contribuição da área de produção ao processo de desenvolvimento de produto
Autor(es): Passos, Francisco Uchoa
Ribeiro, Alcinei Lopes
Hastenheiter Filho, Horácio Nelson
Antonio, Liliane de Queiroz
Palavras-chave: Carroceria automotiva
Variações dimensionais
Controle dimensional
Manufatura automotiva
Qualidade
Indústria automobilística
Cliente - Satisfação
Data do documento: 2011
Editor: Faculdade de Tecnologia SENAI CIMATEC
Resumo: Um dos aspectos de qualidade mais importantes em um automóvel é proveniente da geometria da carroceria (Body in White - BIW), que tem grande influência na estética e no funcionamento do veículo. No processo de construção de carrocerias existem fatores a serem controlados para garantir a qualidade do veículo ainda no curso do referido processo, tais como: a qualidade da superfície das peças estampadas; a distribuição e a qualidade dos pontos de solda a serem aplicados; e a qualidade e coordenação entre as peças de chapas metálicas (matching). Além disso, devido a algumas variações geométricas inevitáveis, provenientes do projeto e/ou do processo de construção, se faz necessário o controle dimensional no processo de construção. A questão da variação dimensional da carroceria é motivo de preocupação cada vez mais freqüente para as áreas de manufatura e projeto automotivo, em razão do impacto negativo sobre a satisfação dos clientes e dos custos adicionais com inspeções, retrabalhos, reparos, refugos e garantia. Este trabalho aborda a temática das variações dimensionais oriundas do processo de construção da carroceria em uma montadora, e focaliza os problemas específicos decorrentes dessas variações sobre o ajuste de portas do veículo. No caso das portas, os ajustes têm impactos que perduram durante o uso do veículo, com influências sobre a estética e a funcionalidade do produto, podendo gerar rejeições pelos cientes finais. Assim, o projeto de engenharia deve encontrar um equilíbrio entre a funcionabilidade e a estética das portas. O problema central do estudo está desdobrado nas seguintes questões: (a) que tipos de rejeições, pelos clientes, podem surgir em decorrência de ajustes de portas? (b) quais as causas dessas rejeições? (c) como eliminar as causas? e (d) como retroalimentar a área de Engenharia do Produto com os dados do estudo? Para dar respostas a estas questões, foi realizado um estudo de caso por um time multifuncional da montadora, sendo encontrados os seguintes resultados: (a) os ruídos de vento nas portas, observados com o veículo em movimento a partir de determinadas velocidades, são aspectos que têm impacto significativo na satisfação dos clientes; (b) os ruídos de vento podem ser provocados por determinados tipos de ajustes de portas identificados no estudo; (c) foram definidos procedimentos 8 corretivos, na montagem do veículo, para a eliminação dos ruídos de vento; e (d) os resultados foram encaminhados à área de Engenharia do Produto para análise e incorporação em novos projetos. Para que os ruídos de vento sejam definitivamente eliminados, foi sugerida a transferência das informações levantadas, no estudo de caso, para o processo de desenvolvimento do produto, servindo assim como feed back no esforço de melhoria continua e aprendizado para os novos produtos. A importância do presente trabalho reside em dois aspectos principais. Em primeiro lugar, evidencia-se que nem sempre a conformidade estrita com especificações de projeto assegura a satisfação plena do cliente. Depois, destaca-se que a área de manufatura tem papel importante na retroalimentação de informações à Engenharia do Produto, as quais contribuem para a otimização do projeto do veículo.
URI: http://repositoriosenaiba.fieb.org.br/handle/fieb/784
Aparece nas coleções:Dissertações de Mestrado (PPG GETEC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Alcinei Lopes Ribeiro.pdf4.03 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.