Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositoriosenaiba.fieb.org.br/handle/fieb/730
Título: Objeto de aprendizagem a luz dos pressupostos vigotskiano para o ensino aprendizagem de funções quadráticas no ensino médio
Autor(es): Matta, Alfredo Eurico Rodrigues da
Oliveira, Iêda Pinheiro da Silva
Ikeda, Benedito Helvin
Sampaio, Renelson Ribeiro
Palavras-chave: Função quadrática
Objeto de aprendizagem
Sociointeracionismo
Zona de Desenvolvimento Imediato
Data do documento: 2012
Editor: Faculdade de Tecnologia SENAI CIMATEC
Resumo: Os registros oficiais que avaliam o desempenho dos estudantes do ensino médio vêm demonstrando um resultado insatisfatório ao fi nal deste período da educacão básica, principalmente em relação aos conhecimentos matemáticos. Diante deste cenário o ensino e aprendizagem da disciplina Matemática vêm apresentando um panorama histórico de tentativas de melhoria na forma de desenvolver as habilidades e competências requeridas para os estudantes que estão cursando a educa ção basica, mais precisamente no que se refere ao conceito de função, pois esse conceito desempenha um importante papel na leitura, construção e interpretação de gráficos de certos fenômenos cotidianos. Nessa perspectiva, e diante de uma sociedade que vive ativamente em um mundo tecnológico, este trabalho apresenta os seguintes problemas: como desenvolver o raciocínio matemático utilizando um Objeto de Aprendizagem (OA) a luz dos pressupostos vigotskianos? De que forma desenvolver um Objeto de Aprendizagem voltado para o ensino-aprendizagem dos conceitos e operacionalidade da função quadrática? Assim, o objetivo geral deste trabalho foi modelar um objeto de aprendizagem a luz dos pressupostos vigotskianos para o ensino-aprendizagem de fun ções quadráticas no ensino médio. Foram seus objetivos específicos: apresentar estratégia motivadora para o ensino de funções quadráticas numa visão sociointeracionista; propor o uso do objeto de aprendizagem como um recurso que auxilie no processo de ensino-aprendizagem de funções quadráticas no ensino médio; e caracterizar os aspectos ociointeracionistas que (des)favorecem a utilização do objeto de aprendizagem na sala de aula. A escolha metodológica foi pela pesquisa de campo semiexperimental, com abordagem praxiologica; e pesquisa bibliográfica, sendo utilizados como instrumentos de coleta de dados questionários para o pré-teste e pós-teste, observação direta e observação não participante. Os resultados deste trabalho mostraram que foi possível modelar um OA que contemple de forma satisfatória os conceitos sociointeracionista. As conclusões apontam que um OA dentro dessa concepção auxilia positivamente o ensino-aprendizagem do conceito matemático de funções quadráticas, atuando na Zona de Desenvolvimento Imediato (ZDI), proporcionando o desenvolvimento cognitivo do aprendiz.
URI: http://repositoriosenaiba.fieb.org.br/handle/fieb/730
Aparece nas coleções:Dissertações de Mestrado (PPG MCTI)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Ieda Pinheiro da Silva Oliveira.pdf4.24 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.