Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositoriosenaiba.fieb.org.br/handle/fieb/399
Título: Caracterização mecânica de juntas sobrepostas de alumínio unidas através de adesivo estrutural acrílico: um estudo preliminar
Título(s) alternativo(s): VIII CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA DE FABRICAÇÃO - COBEF
Autor(es): Bamberg, Pedro de Andrade
Coelho, Rodrigo Santiago
Viana, Josiane Dantas
Palavras-chave: Adhesive bonding
Aluminium alloy
Lap shear joints
Thin sheets
Lightweight structures
Data do documento: 18-Mai-2015
Editor: COBEF
COBEF
Citação: BAMBERG, Pedro de Andrade.; COELHO, Rodrigo Santiago; VIANA, Josiane Dantas. Caracterização mecânica de juntas sobrepostas de alumínio unidas através de adesivo estrutural acrílico: um estudo preliminar. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA DE FABRICAÇÃO, 8., Salvador. Anais... Salvador, COBEF, 2015. p. 1-7.
Resumo: O contínuo interesse na redução do peso de estruturas e produtos industriais tem elencado constantes discussões sobre o uso de novos materiais de baixo peso em juntas e estruturas mecânicas de materiais dissimilares. Em veículos automotores, por exemplo, a redução de peso impacta diretamente na redução do consumo de combustível e de emissões de poluentes. A utilização de ligas de alumínio nestes sistemas é uma alternativa ao aço carbono, uma vez que conseguem manter algumas das propriedades mecânicas requeridas e reduzir o peso total do veículo, devido a sua densidade significativamente menor (cerca de 65% inferior). No entanto, a união de ligas de alumínio em estruturas veiculares através dos processos convencionais de soldagem é complexa devido à baixa solubilidade do Ferro no Alumínio por solução sólida. Deste modo, a utilização de adesivos estruturais se apresenta como alternativa versátil, confiável e de custo eficiente, quando comparado com outros processos de união de materiais, trazendo alguns benefícios estruturais e de processo. Este trabalho teve o objetivo de caracterizar mecanicamente juntas compostas por chapas da liga de alumínio AA3105 H26, de baixa espessura, unidas através da aplicação de um adesivo estrutural de acrílico. Os ensaios das juntas foram realizados conforme a norma ASTM D1002, que determina as condições de ensaios de tração de chapas finas, sobreposta e unidas por adesivos estruturais, com o objetivo de avaliar a resistência ao cisalhamento. Os resultados dos ensaios mecânicos mostraram que, a depender da configuração adotada e do comprimento de sobreposição, os adesivos podem possuir resistência mecânica superior às dos substratos, tornando-se o elo forte da junta
Descrição: p. 1-7.
URI: http://repositoriosenaiba.fieb.org.br/handle/fieb/399
Aparece nas coleções:Artigos Publicados em Periódicos (PPG GETEC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Caracterização mecânica de juntas ....PDF679.51 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.